Gestão

4 vantagens da fermentação natural de pães

A fermentação natural de pães tem atraído muitos consumidores. Isso porque o pão que é feito com fermento natural é mais saudável e saboroso. Uma boa dica para você que é proprietário de padaria e que busca inovação para o seu negócio.

Para que você possa produzir esse tipo de pão é preciso entender o que é a fermentação natural de pães, quais as principais diferenças entre ela e o fermento biológico  e quais as suas vantagens.

O que é a fermentação natural de pães?

Conforme explica o proprietário da Levain Escola de Panificação e Confeitaria, Rogério Shimura, a fermentação natural de pães é o processo de fabricar o próprio fermento, multiplicando bactérias e fungos.

“Quando refrescamos o fermento ou seja, o alimentamos, ele se torna mais forte. Quanto maior o tempo de fermentação obtemos, melhor é o sabor do trigo, dando assim aromas, textura e sabores diferenciados”.

Principais diferenças da fermentação natural para o fermento biológico

Não tem como comparar um pão com fermento comercial e outro com a fermentação natural. Na composição do fermento comercial, há uma substância chamada Saccharomyces cerevisiae, que pode estar no seu estado fresco ou seco.

“Quando utilizamos o fermento comercial, esse processo de fermentação torna-se mais rápido, pois ele se encontra muito mais potencializado. Em questão de horas (4 a 6 horas) temos os pães assados”, explica Shimura.

Já a fermentação natural demora mais tempo. A massa pode levar até 8 horas para ir ao forno. Em alguns casos, dias, semanas ou até mesmo meses, pois nesse processo é a natureza que age sozinha.

Quais as vantagens da fermentação natural de pães? 

1.  Deixa o pão com sabor diferente

Os pães feitos com fermentação natural possuem sabor e textura incomparáveis em relação aos pães tradicionais. A massa fica com uma casca crocante, um sabor levemente azedo e um miolo macio e mais saboroso.

2. Baixa o índice glicêmico

A fermentação natural de pães baixa o índice glicêmico. Esse índice é a capacidade que um alimento tem de aumentar a quantidade de açúcar no sangue. Quando o índice é baixo, ele ajuda o organismo a sentir menos fome e, até mesmo, auxilia na perda de peso.

3. Aumenta a capacidade de digestão

A digestão fica mais fácil com pães feitos com a fermentação natural. Mesmo para as pessoas que são sensíveis ao glúten. O fermento natural possui lactobacilos que não são encontrados no fermento biológico. Eles auxiliam na digestão e também são benéficos para a flora intestinal.

4. Possui vários nutrientes devido a fermentação natural

A fermentação natural de pães aumenta a biodisponibilidade de vitaminas e minerais. Isso faz com que esses pães tenham mais nutrientes do que os fabricados pelo método comum. Além disso, nesses casos, não há uma adição de conservantes no fermento, o que torna o alimento mais nutritivo.

O que é preciso para começar a produzir pão com fermento natural?

Seguindo Shimura, nesse tipo de panificação é preciso ter paciência e respeitar os processos. Não dá para pular ou burlar etapas. É necessário ser sempre paciente!

Agora que você conhece essas 4 vantagens da fermentação natural de pães, que tal começar a produzir seus pães desta forma? Com o fermento natural, dá para fazer o pão branco, integral, de centeio, de azeite, italiano e, até mesmo a massa de pizza!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *