Fispal Foodservice faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

vinho-influencia-estacao-restaurante

Como cada estação influencia a indicação de vinho no restaurante

É notável a preferência do brasileiro pelo vinho durante os meses de frio, o que demonstra uma influência do clima no comportamento de consumidor. A natureza, aliás, vai além disso e interfere também na evolução e conservação da bebida, segundo Agilson Gavioli, docente de Vinhos do Senac-SP e diretor técnico da SBAV-SP (Sociedade Brasileira dos Amigos do Vinho de São Paulo). Por isso, a seleção feita por um sommelier no restaurante ultrapassa a barreira da gastronomia e atende às quatro estações do ano.

Seguindo o critério de temperatura externa, acompanhe alguns tipos de vinhos de maior apelo de consumo ao longos dos 12 meses. Não seja radical, no entanto. Lembre-se que dentro do estabelecimento a temperatura ambiente é mais estável do que a externa.

Primavera

Na estação das flores, Gavioli recomenda vinhos tintos de médio corpo e levemente tânicos ou vinhos brancos e rosados de boa estrutura, como alguns brasileiros, argentinos, uruguaios, espanhóis e alentejanos. “Como esta é uma estação bastante iluminada e que nos leva ao verão, os vinhos mais frescos talvez sejam mais lembrados.”

Verão

Com as temperaturas mais elevadas, os vinhos brancos, os rosados e os espumantes tanto brancos como rosados são requisitados. A oferta deles é grande entre alemães, franceses da região do Vale do Loire, os vinhos verdes de Portugal e os espanhóis da Galícia, assim como alguns brasileiros e neozelandeses. “Tintos leves e frutados como os de maceração carbônica, os italianos do norte, como Veneto e Friulli, e os austríacos acabam sendo boas escolhas”, recomenda o especialista.

Outono

Gavioli pondera que a escolha nessa estação podem ser semelhantes às da primavera, mas com o prenúncio da chegada do inverno os vinhos tintos, dos médios aos mais encorpados, já começam a tomar fôlego na decisão de consumo e brancos mais encorpados também podem ter um excelente papel na mesa. “Os vinhos franceses de Bordeaux, os chilenos das regiões mais frias, como Bio-Bio e Malleco, os tintos da África do Sul ou todos os de médio corpo e com teores de álcool levemente acima dos 13,5° são boas escolhas.”

Inverno

Período de temperatura baixa, o inverno é associado aos vinhos tintos, porém os tipos rosados, brancos encorpados e tintos médios também podem ser consideradas escolhas certeiras. Dê preferência aos vinhos fortificados como os Portos, Madeira, Marsala, Moscatél de Setúbal e os generosos pelo teor de álcool mais elevado que aquece bastante. “Além do que acompanham as comidas também mais calóricas como doces e queijos fortes”, comenta.

degustacao-vinho

TAG: vinho
Ocultar comentários

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar