Fispal Foodservice faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Como o restaurante pode melhorar a relação com as importadoras de vinho?

Como o restaurante pode melhorar a relação com as importadoras de vinho

Para conseguir oferecer os melhores serviços e produtos para o consumidor, gestores devem se preocupar, primeiramente, em manter uma boa relação com os seus fornecedores. E, para quem lida com vinhos em seu estabelecimento, é preciso ter muita atenção às importadoras com as quais negociam constantemente.Isso porque uma relação comercial sadia também se desenvolve em outros atributos de qualidade para trazer novidades ao consumidor, sempre no prazo e com condições atrativas que só tendem a contribuir para o crescimento do restaurante.Então, confira a seguir, como seu o restaurante pode melhorar a relação com as importadoras de vinho.

Um diálogo claro sobre as necessidades é importante

Como em toda negociação, é importante que ambas as partes saiam satisfeitas, do contrário, dificilmente teremos um desfecho interessante. Por isso, é importante encontrar mediação entre os seus objetivos e o que algumas importadoras têm a oferecer. Algo que se inicia, justamente, em saber o que você necessita para impulsionar a venda de vinhos no seu restaurante.Na parte da mediação, já existem, inclusive, serviços especializados nesse sentido, como o representado pela sommelière Gabriela Bigarelli:“Hoje, a minha empresa presta exatamente esse tipo de aproximação, diretamente com os proprietários de ambos, mediando negociações e oferecendo a melhoria geral da parte de bebidas”, explica a profissional com mais de dez anos de atuação no mercado.Com isso, fica fácil se aproximar de algumas das melhores importadoras de vinho para construir, abastecer ou reformular o portfólio de vinhos do seu restaurante. Sem falar nos trabalhos posteriores e específicos de “humanização das pessoas, conhecimento e treinamentos completos”, etapas que Gabriela considera importante nessa etapa também.

Os caminhos para melhorar a negociação por meio dos preços

Restaurantes que possuem um norte específico, por onde se guiar, têm mais chances de desenvolver um bom relacionamento com as importadoras. Afinal, é o primeiro passo para encontrar, por exemplo, um mínimo e máximo de preços para as garrafas desejadas.Gabriela também aponta que essa relação pode se equilibrar como em uma gangorra, na qual “o restaurante e a importadora devem entrar em acordo, em que um reduz a margem de lucro e o outro proporciona descontos mais atrativos. Assim, é possível conseguir o melhor preço para o consumidor”.Aproximar essa relação também funciona, propondo parcerias mais sólidas e diversificadas – como em eventos, por exemplo. A aproximação de ambas as partes é benéfica nessa relação entre os restaurantes e as importadoras.

As vantagens a curto e médio prazo desse relacionamento

Com o tempo, o restaurante passa a se preocupar menos em buscar novidades e inovações em sua carta de vinhos, pois a relação de parceria com a importadora pode se traduzir em confiabilidade nesse sentido.Além disso, Gabriela aponta que “a longevidade da parceria depende de uma relação saudável, confiável e de extrema clareza. Esse é o melhor caminho, pois a colaboração e a constante presença no cotidiano do restaurante permitem as melhores propostas”, que também destaca a relevância nesse estreitamento de relações, garantindo sempre vantagens de um para o outro. Assim, é possível fazer com que a sua carta de vinhos evolua cada vez mais.

raio-x-vinho

Ocultar comentários

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar