Café, Gestão

Como fidelizar clientes com bebidas especiais

O chá é uma tendência mundial. No Brasil, o consumo da bebida teve um aumento de 168% em 2017, assim como o café especial que registrou 25% . No entanto, para mostrar um pouco a você como é importante investir nessas bebidas e ao mesmo tempo dar sugestões para inseri-las no cardápio do seu restaurante, preparamos este post.

Aqui você vai entender como a bebida pode agregar valor ao seu estabelecimento e ao mesmo tempo vai aprender como fidelizar clientes com as novidades que existem no mercado. Afinal, para ter sucesso em qualquer negócio é preciso investir em novidades – e nada melhor que oferecer ao seu cliente algo que vai além de café e refrigerantes. Boa leitura!

Por que o gestor precisa inovar nas opções de bebidas?

Segundo a proprietária da importadora Flavors, Kátia Nassuno, as bebidas como o chá, são itens que podem aumentar o ticket médio e o faturamento dos restaurantes.

De acordo com a empresária, bebidas comuns como refrigerantes e sucos têm valor comparativo direto com outros estabelecimentos e até mesmo com o varejo.

“O cliente sabe quanto custa a bebida no supermercado, não apresentando assim valor agregado nenhum e, portanto, não tendo disposição de pagar mais por isso”, revela. 

No entanto, segundo Kátia, ao criar bebidas diferenciadas, o proprietário do restaurante também cria algo único que pode ser consumido em seu estabelecimento e, se bem preparado, pode fidelizar o cliente.

Além disso, como essa bebida é algo especial e preparada em “casa”, há um valor agregado e que muitas vezes tem um custo menor que as bebidas prontas e um lucro maior por unidade vendida.

“Quando se fala tanto de cafeterias, quanto de bares e restaurantes, o mercado brasileiro é bastante competitivo. Há novos estabelecimentos surgindo por aí e trazendo modelos de marcas estrangeiras, outras apenas se inspirando, mas o mercado está movimentado”, enfatiza.

Nesse cenário não há mais espaço para oferecer mais da mesma bebida. Segundo ela, o cliente quer o novo, a inovação e a qualidade. Para a empresária, o cardápio de bebidas é, nesse sentido, uma ferramenta poderosa para atrair os clientes, que muitas vezes, se deslocam para uma “casa” inicialmente em busca de determinada bebida.

Já a fundadora da Escola de Chá Embahú, Yuri Hayashi diz que um cardápio que segue as tendências atuais sempre vai atrair o público.

“No caso do chá especial é uma grande vantagem possuir sabores diferenciados, as possibilidades são muitas para este tipo de bebida tão versátil que pode ser preparada quente ou fria”, afirma.

Quais as bebidas podem ser inseridas no cardápio?

Há várias bebidas que podem ser inseridas no cardápio dos restaurantes. As possibilidades vão depender dos perfis do negócio do empreendedor e do público – além do faturamento.

No entanto, há algumas tendências no mercado que podem servir de ponto de partida, como por exemplo, o chá gelado, o café gelado, frapês e shakes. Segundo Kátia, essas bebidas atraem um público mais jovem e especialmente no caso do chá, o público busca uma alimentação mais saudável.

“As sodas, feitas de xaropes também têm feito muito sucesso, principalmente em restaurantes. Encontrar uma bebida diferente de sucos e refrigerantes valoriza o cardápio das comidas, pois mostra o cuidado em oferecer algo mais elaborado”, enfatiza.

As limonadas aromatizadas, iced teas de diversos sabores são opções menos calóricas e mais leves. Já na opinião de Yuri, para o público mais geral, os blends de chás e infusões são sempre os atrativos principais pela familiaridade dos sabores que são comuns no cotidiano (frutas, especiarias, ervas, etc.).

Já os chás especiais puros e de origem chinesa, indiana e japonesa são os que mais atraem um consumidor mais seletivo e informado.

Como a bebida pode agregar valor ao estabelecimento?

O cardápio de bebidas, se bem desenvolvido, é uma ótima ferramenta para agregar valor aos estabelecimentos. Mesmo em caso de restaurantes em que as bebidas são coadjuvantes, uma boa oferta de não-alcoólicos e alcoólicos pode ser determinante no momento de definição de onde se vai.

Já a presença de determinadas bebidas no cardápio pode qualificar uma “casa” como saudável (no caso de chás gelados e smoothies, por exemplo) ou moderna (no caso das sodas italianas, de drinques da moda ou de cafés preparados em métodos diferentes).

Mas para fidelizar clientes com chá e bebidas especiais, é preciso oferecer qualidade, experiências diferenciadas, custo atrativo e padrão, ou seja, seu resultado no copo ou na xícara deve ser sempre o que o cliente espera.

As bebidas de assinatura, ou seja, o que pode ser consumido naquele estabelecimento, se bem elaboradas, farão o cliente voltar. Mas para que isso aconteça, é importante que o consumidor tenha sempre uma boa lembrança do que consumiu para sair com o gosto de quero mais.

Yuri acrescenta que o chá é uma bebida atual, que segue a tendência do mercado em busca de produtos saudáveis. “Disponibilizar diferentes tipos de chás especiais, que por terem processamentos mais nobres concentram maiores benefícios e sabores, atrai o público que busca qualidade de vida assim como os que possuem interesse gastronômico”, afirma. 

Como fidelizar clientes com chá e bebidas especiais?

O primeiro passo para fidelizar clientes é o cardápio de bebidas estar alinhado com uma demanda do público daquele tipo de estabelecimento. Se o público é mais maduro, o empreendedor deve oferecer bebidas mais clássicas.

Se for “antenado”, a ideia são bebidas que estão fazendo sucesso em outros países.  Já para um público que procura preço, a oferta dessas bebidas deve ser mais acessível ao bolso do consumidor.

Além disso, é preciso entender a qualidade do produto e o mercado onde se está inserido. O empreendedor deve manter o padrão do produto, pois se o cliente voltar e a bebida estiver diferente da sua última visita, o consumidor pode até dar mais uma chance ao estabelecimento. No entanto, não dará duas.

O menu de chás especiais necessita de informações específicas para que o cliente compreenda o valor da bebida. O restaurante também pode ter funcionários bem treinados para fornecerem as informações.

O menu também pode ser oferecido em conjunto de outros produtos que harmonizem com seus sabores como combos de alimentos e chás especiais. Entretanto, é necessário que o empreendedor tenha o equipamento correto e a atenção no preparo da bebida para que ela tenha boa qualidade.

Viu como o chá e as demais bebidas podem agregar valor e ainda atrair clientes para o seu restaurante? Agora que você já sabe, que tal seguir as dicas dos especialistas no assunto e acrescentar essas bebidas no cardápio do seu estabelecimento? Acompanhe mais informações do setor aqui na Fispal Digital!

cardapio-cafe

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *