Gestão

Confira 6 dicas de ouro para a contratação de cozinheiro

Um dos maiores dilemas dos proprietários de restaurantes é a contratação de cozinheiro. Além de contratar um profissional talentoso, é preciso tomar alguns cuidados para acertar na hora da escolha.

Se você deseja saber se o candidato é o certo para seu restaurante, preste atenção neste post. Nele, você vai aprender 6 dicas infalíveis de como fazer a contratação de cozinheiro. Confira!

1. Analise o histórico profissional

Não é novidade que o primeiro filtro em uma contratação de cozinheiro passa pelo fato de o candidato ter ou não formação ou experiência na área de atuação.

Segundo a especialista em Desenvolvimento do Potencial Humano, Gaya Machado, desde um curso básico até uma experiência anterior, se soma para saber se o profissional tem aptidão para a função em aberto.

Além de pedir um currículo, é importante checar as referências do candidato a vaga e verificar a experiência de empregadores anteriores com o candidato“, diz. Isso, de acordo com a especialista, é fundamental para ser mais assertivo na hora da contratação de cozinheiro.

2. Conheça os objetivos do candidato

A segunda dica é conhecer os objetivos de médio e longo prazo. As cozinhas de restaurantes costumam ter alta rotatividade de profissionais e uma forma de minimizar este cenário é verificar quais são os objetivos profissionais do candidato a médio e longo prazo.

É preciso saber se o profissional pretende seguir carreira neste segmento ou está apenas de passagem por precisar um emprego, como explica a especialista.

“Quando o candidato pretende seguir carreira no segmento em questão existe a possibilidade de estar mais disposto a desempenhar atividades variadas com empenho, pois pretende se aprimorar de forma mais ampla. Ter um objetivo maior que o salário melhora a retenção e a identificação do colaborador com a empresa”

3. Veja a autorresponsabilidade

Esta é uma competência que está diretamente ligada a necessidade do profissional em saber qual é o seu papel no trabalho, não só em termos de cumprir tarefas, mas de ser protagonista na hora de lidar com desafios e dificuldades sem recorrer a mecanismos de fuga como culpar o outro ou a situação quando algo não sai como o planejado.

Trata-se de assumir uma postura de responsabilidade que, além de permitir que problemas sejam solucionados mais rapidamente, tornam o clima da empresa mais leve e colaborativo.

4. Observe a capacidade de trabalhar em grupo

Outra dica é observar a capacidade que o candidato tem de trabalhar em grupo.

Ainda que cada um tenha a sua função, a própria característica do trabalho abre espaço para que imprevistos aconteçam e, nestas horas, é fundamental contar com profissionais que estão dispostos a abraçar os desafios para que a tarefa seja cumprida, ainda que ela saia do seu escopo oficial.

As dinâmicas em grupo durante o processo de seleção são uma ótima forma de observar este e outros comportamentos.

5. Antes da contratação de cozinheiro, veja se a pessoa é resiliente

A resiliência complementa a autorresponsabilidade. “A resiliência é uma característica fundamental em um ambiente onde o ritmo de trabalho exige velocidade, concentração e solução de problemas”, diz a especialista.

Conforme explica Gaya, ser resiliente é se recuperar das dificuldades e retomar o controle de si mesmo para lidar com novas situações. E uma cozinha que não conta com profissionais resilientes pode se tornar caótica quando algo não sai como planejado.

A resiliência e a autorresponsabilidade podem ser verificadas tanto no momento da entrevista, quando em dinâmicas em grupo durante o processo de seleção.

6. Verifique se o candidato se identifica com o propósito da empresa

No meio de gestão de pessoas, o tema propósito vem sendo muito abordado. E não é possível deixá-lo de fora em um processo de contratação de cozinheiro.

“Tão importante quanto o candidato ter as competências técnicas e emocionais para a vaga é ele se identificar com a empresa, seus objetivos e valores. Pois, é comprovado que quando o colaborador entende e se identifica com o porquê da empresa existir e fazer o que faz, sua tarefa e forma de desempenhá-la passam a fazer mais sentido e acontecer de forma natural e comprometida”, enfatiza.

Agora você já sabe como fazer a contratação de cozinheiro, não é verdade? Pois então, coloque nossas dicas em prática e acerte na escolha do profissional do seu restaurante!

 

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *