Fispal Foodservice faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

produto-microorganismos-cozinhas-fispal-food-service

Lançamento usa micro-organismos vivos para limpeza de cozinhas

Em cozinhas profissionais de restaurantes, churrascarias, hotéis e outros estabelecimentos comerciais, contar com soluções que atendam aos requisitos de higienização é mais do que fundamental. Sabendo disso, a Fispal Food Service tem apresentado para as empresas do setor de Alimentação Fora do Lar muitas opções inovadoras, como é o caso do BioFood, produto exclusivo da RestoClean, destinado à limpeza da caixa de gordura e à eliminação de odores em esgotos, ralos e vasos sanitários.

Feito no Brasil, o produto é composto por uma alta concentração de micro-organismos vivos  – atóxicos,  não patogênicos e não produzidos por engenharia genética ou qualquer outro produto químico – que atuam de forma eficaz na aceleração do processo natural de degradação de óleos gorduras. “As bactérias presentes no BioFood se alimentam da gordura e se multiplicam por 72 horas, diminuindo imediatamente o volume de gordura e o odor, assim como evitando o entupimento dos ralos”, explica Fábio Rodrigues, vendedor da RestoClean.

Qualquer pessoa pode manusear o produto e não há a necessidade de uma proteção específica.  Em cozinhas, recomenda-se que, nas primeiras aplicações, sejam removidos os detritos sólidos da caixa de gordura para facilitar a ação dos micro-organismos. O BioFood deve ser dissolvido em 10 litros de água e despejado diretamente nos locais indicados. “As aplicações devem ser feitas a cada 72 horas. Um frasco de 100 gramas vai atender a necessidade de um restaurante de até 350 refeições durante um mês, mas nós temos uma tabela de análise para indicar a quantidade necessária do produto, de acordo com cada caso, ressalta.

As bactérias presentes no composto competem com outras bactérias patogênicas, eliminando, inclusive, mais de 80% dos coliformes fecais, sem deixar cheiro, como ocorre com os desinfetantes tradicionais.

Ocultar comentários

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar