Fispal Foodservice faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Já pensou em dividir custos fixos com outro empresário? Descubra o modelo store in store

Modelo Store in Store permite dividir custos fixos: conheça

O ramo de estabelecimentos de alimentação fora do lar tem por característica a sua grande capacidade de se reinventar. Em momentos de baixa essa capacidade precisa ser ainda mais presente, com modelos de negócio concebidos para que sejam sustentáveis em todas as suas vertentes.

Seguindo esse pensamento, um modelo que tem despontado com força no ramo de alimentação fora do lar é o de store in store, algo como "loja dentro de outra loja".

Mas você pode pensar que esse modelo não é novo, afinal supermercados há tempos dividem o mesmo espaço com outras lojas, a exemplo de farmácias e lanchonetes. E você não está errado.

O maior diferencial, agora, é que esse modelo de negócio já chegou às micro e pequenas empresas, complementando e agregando valor a produtos e serviços, otimizando espaços e reduzindo custos.

O que significa o conceito store in store?

O conceito original de store in store refere-se à união de esforços de empreendedores para melhorar as condições de trabalho de empreendedores parceiros.

Hoje essa modalidade já ganhou importante espaço para o varejo brasileiro”, diz Karen Sitta Fortini e Souza, analista e coordenadora da carteira de alimentação fora do lar do Sebrae Nacional. Na realidade, o conceito nada mais é do que uma loja que concede espaço dentro do seu estabelecimento para o funcionamento de outra loja, gerando pontos de vendas.

Com isso, se houver uma boa sintonia entre as lojas, o conceito pode representar um casamento perfeito para todos.

Principais vantagens do conceito de loja dentro da loja

Certamente, várias são as vantagens em alugar um espaço dentro de uma loja para oferecer novos serviços provindos de outra loja. Algumas são:

  • Modelo inovador e criativo;
  • Otimização da capacidade ociosa do estabelecimento;
  • Aumento do consumo nos estabelecimentos;
  • Em alguns modelos de negócio, o store in store pode otimizar os custos fixos com infraestrutura, que podem ser compartilhados entre os empreendedores.

Além disso, a especialista lembra da facilidade para o consumidor ao poder comprar coisas distintas e complementares no mesmo lugar como outra grande vantagem. “Com isso, podemos manter o local sempre movimentado”, garante Karen.

Ocultar comentários

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar